Guia Completo: Casamento Comunitário Civil e Religioso

Cada vez mais no Brasil, se torna comum o casamento comunitário. Esta forma de casamento oferece aos casais uma oportunidade de regularizar sua união diante da lei. E para alguns, está é a única forma que eles encontram para realmente oficializar a união diante de sua religião.

Mesmo com o passar dos anos, o casamento ainda é um objetivo comum entre a grande maioria dos casais. Casar continua sendo um dos momentos mais especiais na vida de um casal, e é visto como um dia que marca a história de ambos.

Fotos de Casamento Comunitário

Mas, mesmo sendo um ato comum na sociedade, o casamento ainda é algo que custa caro. E muitos casais acabam adiando este sonho porque não têm condições financeiras para arcar com tantos gastos.

Devido a esse cenário, o poder público vem criando iniciativas que permitem o acesso de pessoas que não tem tanta condição, ao matrimônio. Por isso, o número de casamentos comunitários vem aumentando bastante e estão sendo realizados regularmente em vários lugares do país.

tudo que você precisa saber

Se você tem o sonho de se casar e fazer uma linda cerimônia com os seus parentes assistindo a celebração da sua data tão especial, mas não tem condições financeiras para fazer isso. Não se preocupe mais, porque se casar de maneira comunitária pode ser a melhor saída para realizar o seu grande sonho.

O casamento comunitário é nada mais, nada menos, que uma cerimônia matrimonial realizada para vários casais ao mesmo tempo. O que torna mais rentável, já que todas as despesas da cerimônia são divididas.

Até hoje, o maior casamento deste tipo realizado aqui no Brasil aconteceu em 2009, no município de Cuiabá, no Mato Grosso. A cerimônia celebrou a união de cerca de 4.175 casais. Além de contar com a presença de 11 mil pessoas acompanhando o evento.

tire suas duvidas

A ação foi realizada pela Secretaria de Trabalho, Cidadania, Emprego e Assistência Social mato-grossense. Que conseguiu reunir noivos de 16 municípios do estado em um casamento inédito.

Assim como aconteceu em Cuiabá, os grandes casamentos comunitários realizados, podem contar com cenários fotográficos para os casais que quiserem registrar o grande momento. Além disso, para contemplar a fé dos noivos, várias cerimônias têm contado com a presença de padres e de pastores evangélicos para realizar o matrimônio.

Tudo para contemplar a fé de todos. É comum acontecer parcerias entre igrejas da região e a prefeitura do município. Sejam protestantes ou católicas, as igrejas vêm cada vez mais realizando ações desse tipo.

Por isso, vale a pena procurar a igreja que você está acostumado a frequentar, ou que você conhece no seu bairro, e ficar por dentro se eles organizam essas cerimônias na comunidade. Mas não se preocupe, que ainda vamos explicar melhor como você faz para aproveitar este serviço no seu município.

Conteúdo

Casamento comunitário religioso

Um matrimônio coletivo é composto por dois tipos, o religioso e o civil. No caso da cerimônia religiosa, o rito é feito de acordo com a religião do casal, junto com outros noivos que compactuam da mesma crença.

Casamento Comunitário

Neste caso, tem eventos que os casais se juntam e dividem a despesas para contratar o religioso que vai realizar a cerimônia. As vezes a própria igreja que está organizando o evento se propõe a fazer a celebração de graça. Como forma de agradar seus fiéis.

Esses casamentos coletivos podem acontecer dentro das igrejas mesmo, em quadras de colégios, ou em qualquer local do município, que caiba todos que vão ser contemplados pela cerimônia, e os familiares dos noivos.

religioso

Pode parecer estranho esteticamente um casamento com diversos casais. Mas, geralmente nesse tipo de casório o celebrante fala diretamente com alguns noivos, que simbolizam todos os outros que estão presentes. No caso de casamentos comunitários com poucos casais, algumas duplas podem subir no altar, no caso das cerimônias realizadas na igreja.

Casamento comunitário civil

No caso da cerimônia civil, a inscrição prévia deve ser feita com antecedência, já que a documentação precisa ser organizada pelo cartório. Assim como no religioso, existe a opção do juiz de paz se disponibilizar para realizar os seus serviços de graça.

saiba tudo

Mas, se não for o caso, mesmo assim sairá bem mais em conta com os abonos de taxas e com a divisão dos gastos. O tribunal vai reservar um dia em especial para que o casamento seja realizado. Em algumas cidades a ação é gratuita, já em outras a taxa é paga, mas bem inferior ao que se costuma pagar.

festa cerimonial

A ideia do casamento comunitário no civil, é legalizar a situação dos casais perante a lei, sem os custos altos dos cartórios. Tornando-se assim, querendo ou não, um serviço de utilidade pública para os que não possuem tanta condição.

todas informações

Os casais têm em uma união no civil a garantia de direitos que não conseguiria em uma união estável, por exemplo. O casal que se casa civilmente tem alguns benefícios em caso de separação, como pensões, e auxílios no caso de morte do cônjuge.

Como participar

Este tipo de serviço é oferecido em várias cidades do país. Em todas as edições, são muitos os interessados no casamento, então é bom ficar sempre de olho nas igrejas da sua cidade, e também nos tribunais, que anunciam quando farão novas cerimônias.

como participar

Nos casamentos no religioso, o primordial é obedecer as regras da igreja e sua religião. Já no civil, é necessário morar na mesma cidade do tribunal organizador do casamento comunitário, e aparecer no dia e no horário da inscrição, munido de documentos como, certidão de nascimento, carteira de identidade, CPF e o comprovante de residência do casal.

Casamento Comunitário

O casamento comunitário é sem dúvidas, uma iniciativa de cidadania. Ele permite que os casais tenham a oportunidade de fazer algo que não teriam condições. Por isso, este artigo foi para que você entenda os casamentos comunitários e corra atrás dessa oportunidade, se você está querendo mudar o seu estado civil.

E quer viver sua vida a dois conforme a lei ou sua religião determina. Fique sempre atento nas divulgações da sua cidade, e aproveite esse serviço que é feito justamente para atender quem sonha em se casar.

Você tem alguma dúvida? Comente!

Este artigo te ajudou? Esperamos que sim! Compartilhe isso para o mundo: Obrigada! 😘
7 Comentários

Comente! Pergunte! Relate! Sugira!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *